Meu Perfil
BRASIL, Sul, Mulher, de 36 a 45 anos, Portuguese, English, Arte e cultura, Informática e Internet



Histórico


Votação
 Dê uma nota para meu blog


Outros sites
 UOL - O melhor conteúdo
 BOL - E-mail grátis
 márcio américo
 mário bortolotto
 chacal
 domingos pellegrini
 antonia pellegrino
 escritoras suicidas
 carlos muzilli
 xico sá
 Psicotramas
 ademir assunção (pinduca)
 guga
 meu antigo blog
 fernanda borges
 rubem alves
 sérgio ranalli
 marcos
 museu
 fernanda
 mara
 altair de oliveira
 leo
 marilena
 Lili
 jorge again
 daniela
 roberto
 angel cabeza
 beto lins
 ana ramiro
 rubens pillegi sá
 cláudio
 fernando stratico
 fernando blues
 márcia do valle
 Dia do Nada
 rodrigo garcia lopes
 ana peluso e mário
 Carina Paccola
 Djalma Santos
 Caixinha de Pandora
 flavio2
 gabriel
 novidadeiras
 outros poemas
 rosangela
 ana luísa
 carlos II
 rubio medina
 Oficina do pensamento
 paola
 Lívia
 Yuri
 karen
 luiz aquino
 celina
 sônia marini
 pedrita2
 maga2
 marília kubota
 moacy
 rafael2
 Tim
 fernando blues2
 Bruka Lopes
 Amar
 Kity2
 Liliana - music
 márcio pimenta2
 Miller
 Roberto Queiroz2
 Luiz Valcazaras
 Elektra
 E-Lectra Comunicação
 Roberto Queiroz (mídia)
 samantha abreu
 rubens molina
 Roberto Queiroz (literatura)
 Antonio Mariano Jr
 Ferrez
 Andrea Del Fuego
 Cássio Amaral
 Deise Maia
 Marco Jacobsen
 dungeon
 Odisséia Literária
 Ana Peluso
 Diversos Afins
 Beatriz Bajo
 Estado Anarquista
 Apocalipse Motorizado
 camila
 rodrigo souza leão
 Mulher e Futebol (marina)
 maurício arruda mendonça
 chico assis de mello
 zilma santos
 liseu de matedi
 Vila Cemitério de Automóveis
 Que goze o inconsciente
 Onde Está o Óleo
 caetano veloso
 duda bandit2
 maicknuclear
 Neuza Pinheiro
 Armadilha Poética
 O Pensador Selvagem
 Comunique-se
 Ariel Palacios
 psicorama
 Mar Arável
 Carpinejar 2
 Cínthia Verri (Matando Carpinejar)
 Mário Quintana
 Ana Peluso 2
 Miguel Sanches Neto
 Stella
 Jamille Abdallah
 Blog do Guga (my sun)
 marcele aires
 Simone Petry
 Digestivo Cultural
 Espaço Michel Foucault
 Fernanda Pompeu
 Livia2
 Pietro Nardella Dellova
 Camille Claude
 As ilusões, não as verdades
 Zé Celso Martinez Correa


 
 
sensivel desafio


Sobre o amor e a arte

O buraco da falta de amor é sempre equivalente ao abismo do excesso, das pessoas que amam demais. Há modos de regular o que as emoções nos provocam, o que se justifica pelo cuidado de não se auto-destruir ou destruir os outros. Podemos ser abalados pelas forças da paixão e tomar atitudes impensadas, mas me flagro questionando se vale a pena viver totalmente auto-regulado, praticando uma “economia afetiva”, sem nenhum transbordamento. O que seria da arte e até do amor sem esta gente “excessiva”? O que seria da poesia sem Florbela, Hilda e Rilke? O fogo da paixão queima na proporção do fogo da criação. Muitas vezes, quando esfomeados de um lado, alimentamos paradoxalmente o outro, com fartura criativa. Muitos danam a escrever, pintar, dançar para se livrar da bendita maldição que atende pelo nome de amor.

Quantos poemas não foram forjados na loucura. Ou alguém acredita que escrever é como fazer omeletes? Quase toda grande escrita é compulsiva ou se dá em êxtase, Piva e Whitman estão aí para demonstrar. No torvelinho surgem as coisas mais belas, uma resposta ao que nos consome na mesma intensidade e depois tem as arestas aparadas, a forma burilada num fogo mais lento, embora a sua essência seja selvagem. Talvez a arte seja à única resposta possível à perplexidade e à fúria do amor, uma forma de vislumbrar o seu inescrutável. E deixo minha parte em poesia:

"O amor é a passagem possível para um estágio de súbita delicadeza, desejos que se conjugam, verbo derramado com a generosidade do alimento farto.

Então, em caso de amor, não corrijam meus possíveis erros com exaltada fala ou com interpretações duras. Antes, reconheçam que aquilo que se vive por amor será, no fim de tudo, a única força capaz de reverter o imponderável encontro com o vazio, iluminando os dias passados com pequenos insights de felicidade." (eu mesma in Todas as Mulheres em Mim)


Foto: desconheço o autor

 



Escrito por célia musilli às 17h49
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]




[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]